O Techdays é um dos maiores encontros de tecnologia para radiodifusão e acontecerá em Londrina (PR), no dia 12 de maio, das 8h às 17h30.

O primeiro Techdays de 2017 terá a participação de empresários do setor e especialistas em tecnologia. A inovação como diferencial para o rádio, playlist digital e os desafios do rádio em tempos de internet serão alguns dos temas abordados.

O Mobi ABERT, aplicativo integrador de rádio, que já reúne mais de 2,2 emissoras,  será apresentado aos radiodifusores da região pela coordenadora do app, Tainá Farfan.

O diretor da ABERT, André Cintra, participará do encontro no painel sobre o processo de migração do rádio AM para o FM. 

Já a presidente do Instituto Palavra Aberta, Patrícia Blanco, será a palestrante do painel “Jornalismo profissional no combate às notícias falsas”.

O Techdays LONDRINA é promovido pela Embrasec Editora e Eventos e pela Revista Radioenegocios.com, com apoio da ABERT e da AERP.

As inscrições estão abertas pelo site https://www.sympla.com.br/techdays-2017—etapa-londrina__132523

O Techdays disponibiliza, gratuitamente, um spot de 45 segundos (disponível no site da ABERT e também segue anexo) para as emissoras de rádio que quiserem divulgar o evento.

SPOT TECHDAYS LONDRINA

Com informações da Aerp

Até outubro, a quantidade de smartphones alcançará o mesmo número de brasileiros: 208 milhões. Atualmente, há 168 milhões de aparelhos no Brasil, mas com o crescimento acelerado, chegará a 236 milhões em até dois anos, segundo estimativa publicada na 28ª Pesquisa Anual de Administração e Uso de Tecnologia da Informação nas Empresas, realizada pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo (FGV-SP).

 

A quantidade de smartphones já ultrapassa o de computadores, que hoje estão nas mãos de 80% da população (166 milhões de habitantes). O professor de TI Fernando Meirelles, responsável pelo estudo, afirma que existe um novo comportamento no uso de dispositivos, já que a venda de computadores tem caído nos últimos anos. Em 2016, o número de unidades vendidas encolheu 15% pelo terceiro ano consecutivo e a previsão é que a queda continue.

 

O novo perfil de consumo é um desafio para as empresas: “É um momento de ruptura. Será preciso entender como o uso – empresarial, pessoal e educacional – de celulares inteligentes se dará no futuro”, destaca Meirelles.

 

Quando o assunto é quantidade de telefones fixos e móveis, a pesquisa revelou que o Brasil continua acima da média mundial. Enquanto existem 138 telefones para cada 100 brasileiros, há 115 aparelhos para cada 100 habitantes no mundo.

 

Já o número de dispositivos móveis (notebook, tablet e smartphone) conectados à internet supera a população brasileira: 280 milhões (1,4 dispositivo portátil por pessoa).

 

Para o diretor-geral da ABERT, Luis Roberto Antonik, o aumento da quantidade de smartphones e tablets é um desafio para o radiodifusor.

 

Uma pesquisa recente da ABERT mostrou que o aumento da compra de smartphones está transferindo a audiência do receptor de rádio nos celulares para o streaming. Por isso, o radiodifusor precisa acompanhar a audiência, investindo nas plataformas digitais, como sites, aplicativos e outras plataformas na internet”, afirma Antonik.

 

Com informações da Aerp

Menos de um mês após o desligamento do sinal analógico em São Paulo (SP) e outras 38 cidades da Região Metropolitana, 95% das famílias já possuem recepção digital de TV aberta.

 

O dado está na pesquisa do Ibope divulgada na reunião do Gired (grupo que conduz a transição da TV analógica para a digital no Brasil), na quarta-feira (19). Ainda de acordo com a pesquisa, 97% dos domicílios dessas cidades recebem algum tipo de televisão.


Após o fim das transmissões analógicas de TV, em 29 de março, a Seja Digital, empresa responsável pela digitalização da TV no país, continua a distribuição dos kits gratuitos para as famílias beneficiárias dos programas sociais do governo. Ao todo, 1,958 milhão de kits poderão ser entregues nas cidades paulistas do entorno da capital. Ainda existem kits com conversor, antena digital e cabos disponíveis para a retirada.


Até o dia 17 de abril, apenas 1,405 milhão de famílias haviam retirado os equipamentos gratuitos, o que corresponde a 72% dos domicílios. A expectativa dos radiodifusores e da Seja Digital é que, em breve, São Paulo, considerado o maior mercado de TV aberta do Brasil, se aproxime dos 100% de alcance digital.


“É fundamental que as famílias retirem os kits para que ninguém fique prejudicado com o desligamento do sinal analógico e para que todos tenham a continuidade dos serviços da TV aberta, única a oferecer notícias, serviços e entretenimento de forma gratuita”, afirma o diretor geral da ABERT, Luis Roberto Antonik.


O sinal digital gratuito possui melhor qualidade de som e imagem, além de estar livre de chuviscos e interferências. Para agendar a retirada dos kits digitais, basta ligar para 147 ou acessar www.sejadigital.com.br.


Próximos desligamentos

 

Outros municípios brasileiros estão perto de ter o sinal analógico desligado.

 

A previsão para Goiânia (GO) e outras 28 cidades da Região Metropolitana é dia 31 de maio. No total, 278 mil kits digitais serão entregues à população goiana. Faltando menos de 30 dias para o início das pesquisas de aferição da condição de desligamento, apenas 63% das famílias que têm direito ao kit retiraram o equipamento. O quadro preocupa os radiodifusores, pois de acordo com a pesquisa IBOPE, realizada em 27 de março, apenas 79% dos domicílios estavam digitalizados. Segundo portaria do MCTIC, é preciso que no mínimo 90% das residências estejam aptas a receber o sinal digital para que as transmissões analógicas sejam desligadas.



Em julho, haverá o desligamento de Recife (PE), mas o Gired decidiu atender ao pleito da Seja Digital de revisão do cronograma e outras regiões poderão ter o calendário alterado:

 


Goiânia (GO) – manter a data de 31/05
Recife (PE) – manter a data de 26/07
Salvador (BA), Fortaleza (CE), Sobral (CE) e Juazeiro (CE) – adiar para 27/09
Rio de Janeiro (RJ) e Vitória (ES) – manter a data de 25/10
Belo Horizonte (MG) – adiar para 2ª semana de novembro;
Campinas, Franca, Ribeirão, Santos e Vale do Paraíba (SP) – adiar para 4ª. semana de novembro.



A deliberação do Gired ainda terá que ser formalizada pelo MCTIC, que deverá publicar nova portaria alterando o cronograma estabelecido na Portaria 378/2016.

 

Com informações da Abert

 

O NAB Show 2017, marcado para acontecer entre os dias 24 e 27 de abril, em Las Vegas (EUA), vai reunir profissionais de diferentes partes do mundo para debater a influência da tecnologia na vida das pessoas. O evento, considerado o maior do mundo no setor de tecnologia e radiodifusão, terá mais uma vez o SET e Trinta, seminário que ocorre durante o evento e é organizado pela Sociedade Brasileira de Engenharia de Televisão (SET). Além disso, a entidade também contará com o estande do SET EXPO 2017.

 

O NAB Show 2017 terá, entre outros assuntos, os comportamentos com a chegada da internet e das novas plataformas, que abrem novas e infinitas possibilidades. Empresas e representantes de todos os ramos da tecnologia estarão presentes, como radiodifusão, mídias digitais, filmes, entretenimento, telecomunicações, produção, mobile e publicidade. Mais de 100 mil pessoas de 150 países vão participar do evento.

 

Dezesseis empresas do Brasil vão expor seus produtos no Pavilhão Brasileiro e mais de 1,7 mil empresas vão expor na feira de produtos e serviços. Entre eles está a SET que, por mais um ano, vai realizar o SET E TRINTA, seminário exclusivo da SET que acontece dentro do NAB Show e que reúne líderes de opinião, profissionais e empresas para discutir as principais tendências e inovações tecnológicas para broadcast e novas mídias.

 

A RF Mídia, conhecida pelos trabalhos da plataforma Rádio Conteúdo, contará com um estande na feira, sendo um passo do processo de internacionalização de suas atividades. A empresa também divulgou as primeiras imagens de sua futura sede, instalações que serão inauguradas no próximo semestre em São Paulo.

 

A Biquad Broadcast também vai apresentar novidades na NAB Show 2017. Atuando no mercado Broadcast desde 2000, a Biquad é uma empresa de base tecnológica, que desenvolve, fabrica e comercializa equipamentos e acessórios para emissoras de Rádio e TV. 

 

Especialista em soluções inteligentes para Broadcast, a Biquad oferece ao mercado inovações tecnológicas que prezam pelo custo-benefício de seus produtos, tornando-os cada vez mais atrativos. Na NAB Show 2017 a empresa apresentará com exclusividade o seu mais recente lançamento: a linha de móveis modulares Mstudio.

 

As atividades começam sempre às 6h30 e terminam por volta das 9 horas, antes da feira americana abrir. A expectativa é que o evento reúna cerca de 400 pessoas. Em 2017, o SET E TRINTA completa 26 anos. 

 

Além disso, a SET contará com estande do SET EXPO 2017 no NAB Show para promover o maior evento de broadcast e novas mídias da América Latina entre os profissionais que circulam pelos corredores do pavilhão de exposições. É também um ótimo ponto de encontro e uma área de reuniões. O SET EXPO acontecerá em São Paulo, entre os dias 21 e 24 de agosto de 2017.

 

A Sala da SET estará no NAB Show entre os dias 24 a 26, das 9h30 às 17h30 – sala: N116 (North Hall). Ponto de integração e apoio aos visitantes brasileiros registrados pela SET e aos participantes do SET E TRINTA, que contam com suporte de serviços como computadores, internet, café, água e mesas de reunião. Uso gratuito, sem necessidade de reserva.

 

As rádios brasileiras possuem uma oportunidade gratuita para usufruir de todos os benefícios do universo online. No aplicativo integrador MobiAbert, as emissoras possuem um login, que dá acesso a diversas informações personalizadas e possibilidades de customização do espaço da rádio no aplicativo.

 

Na página da emissora, a rádio terá acesso a dados e gráficos da audiência online. Terá ainda a opção de alterar a logomarca, além do streaming, gênero, redes sociais (Facebook, Twitter, Instagram e Whatsapp), informações de contato e programação. Todas as mensagens, sugestões de pauta e avaliações enviadas pelos ouvintes por meio do app também aparecem nesse login.

 

A plataforma é uma iniciativa da ABERT, preocupada em levar as emissoras para as novas tecnologias. A participação do radiodifusor é essencial para que as rádios ganhem visibilidade dentro das plataformas digitais. Para a melhor interação rádio/ouvinte, é preciso que a emissora mantenha as informações atualizadas, responda o ouvinte que enviar mensagens e divulgue em sua programação e nas redes sociais a presença no aplicativo.

 

Por meio do projeto, também é possível participar de outras duas plataformas: o app exclusivo da emissora e o site MobiAbert PLAY (lançamento previsto para as próximas semanas, atualmente funciona pelo site mobilize-se.net.br/play).

 

O MobiAbert PLAY é o site do app integrador. O portal permite que os ouvintes escutem a programação e interajam com a rádio enquanto navegam na internet. As atividades do ouvinte e da rádio estarão integradas nas duas plataformas.

 

Já os aplicativos exclusivos para emissoras associadas da ABERT ou de associações estaduais são personalizados para cada emissora. O app permite acesso apenas para uma única rádio, diferentemente do integrador. A ABERT cobre os custos iniciais e ainda paga os primeiros 6 meses de manutenção. Após esse período, a emissora passa a pagar apenas um salário mínimo por ano. Os apps exclusivos já ultrapassaram 23,5 milhões de plays.

 

Para receber o login ou solicitar a participação no projeto, basta entrar em contato pelo (41) 3329 7494 ou 0800 940 21 04.

 

Com informações da Abert

A Comissão de Finanças e Tributação aprovou proposta que extingue o Escritório Central de Arrecadação de Direitos (Ecad), substituindo-o por uma nova entidade, o Centro de Arrecadação e Distribuição de Direitos Autorais (Cadda), com regras mais rígidas.

O texto aprovado é o Projeto de Lei 2850/03, da Comissão de Legislação Participativa, e tem origem em sugestão da Casa do Compositor Musical, entidade sem fins lucrativos situada no Rio de Janeiro.

Obras protegidas
De acordo com a proposta, o compositor é o titular da obra. Portanto, a utilização desta depende de autorização prévia. O autor tem direitos morais e patrimoniais sobre a composição, independentemente de registro.

O texto protege as composições musicais que tenham ou não letra e suas adaptações e traduções.

Para se identificar como compositor da obra musical, o criador poderá usar seu nome civil completo, abreviado, suas iniciais ou pseudônimo. Quem adaptar música de domínio público terá os mesmos direitos reservados para o compositor musical.

Direitos
O compositor terá direito de reivindicar, a qualquer tempo, a autoria da obra; conservar a obra inédita; assegurar-lhe a integridade, opondo-se a quaisquer modificações; e retirar a obra de circulação ou ainda suspender a utilização já autorizada quando a circulação implicar afronta à sua reputação.

O autor também poderá ter acesso a exemplar único e raro da obra que estiver em poder de outra pessoa, a fim de preservar sua memória. Quando o autor morrer, os direitos autorais serão transmitidos a seus sucessores. As músicas elaboradas em coautoria não poderão ser reproduzidas sem consentimento de todos os autores.

Auditoria
Relator na comissão, o deputado Enio Verri (PT-PR) defendeu a aprovação do projeto e apresentou parecer pela não implicação da proposta em aumento ou diminuição da receita ou despesa públicas.

Pelo projeto, o Cadda terá os seus gastos limitados a 20% do valor bruto recolhido com direito autoral e passará por uma auditoria independente das suas contas a cada dois anos.

O órgão máximo do Cadda será um conselho diretor com cinco integrantes com mandatos de três anos, eleitos pelas associações sem fins lucrativos para o exercício e defesa dos direitos de autores.

Tramitação
O projeto foi rejeitado anteriormente pelas comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; e de Educação e Cultura. A proposta ainda será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, antes de ser votada pelo Plenário.

 

Com informações da Agência Câmara

Powered by themekiller.com